Você merece perdoar



Tocar com sinceridade o olhar nos olhos do outro é acumular um universo mágico de gratidão e compreensão de enredos que nos despertam para a Vida. Mas pense comigo, se você e esta outra pessoa, se permitem que esta porta do partilhar um capítulo da Vida seja tecida em conjunto e que existe uma história, porque sentir ressentimento e procurar buscar razões para julgar o outro, por ventura, ter usado as vestes de dor e angústia sobre você? Somos diferentes, com tantas e incríveis particularidades, mas nos amarramos em meio a sofrimentos com as mesmas lágrimas.

Julgar as ações do outro, é não escutar o tilintar do próprio coração, e acabar por dar permissão a se findar na própria culpa, se escondendo em feridas e passado. E aí, você procura respostas a tudo: no outro, em sua zona de conforto, em livros, em consumos e tantas outras coisas que acabam por não preencher este vazio, que você está a sentir pulsar forte. E o segredo para encontrar esta resposta que você procura está dentro de você: o perdão!

Perdoar é uma escolha em recolher todas as mágoas, angústias e as dores da esperança do que não aconteceu e lançar fora. Perdoar é libertar-se. Não significa concordar ou aceitar, mas é soltar este controle de um passado que o deixa acorrentado em amarras da infelicidade. É renascer para um coração livre.

O perdão é a maior manifestação de Amor que temos em nossa vida. Permita deixar que o coração fale por você e jogue fora todos os pensamentos e sentimentos negativos que amargam a alma. Mas para iniciar este movimento do perdoar é necessário ir além, num ciclo em: limpar, curar, encerrar, (re)começar, salvar. É preciso sair do ego que nos veste e entrar na alma do outro e entender que há uma razão para que aquela pessoa funcione daquela maneira, que a leva a agir de uma forma diferente da sua. 

Transforme a sua dor neste Amor. Somente dessa maneira, passamos a ter gratidão por aquela pessoa que nos ensinou o mais difícil que é aprender a ser capaz de perdoar. E quando acontecer, de uma forma genuína, o amanhã estará logo ali, de braços abertos, te esperando e cheio de folhas em branco para você começar a colorir. No seu tempo, com as suas escolhas, comece.




Compar:

0 comentários