Uma carta para te agradecer

► Leia ao som de Cor de Marte, Anavitória ◄

Você me toca os lábios e me diz que não se agradece o amor. Eu te olho nos olhos e ainda assim rendo gratidão através do meu olhar. Obrigada por me estender a mão, me levantar do chão e limpar as minhas feridas. Obrigada por caminhar comigo me apontando o norte. Obrigada por não me encher de perguntas e por me fazer enxergar o daqui pra frente. Obrigada por me fazer sorrir nos momentos em que eu desejava apenas chorar. Obrigada por me enxugar as minhas lágrimas no momento de dor. Obrigada, mas muito obrigada, por me fazer reacreditar no amor.

A vida não é uma matemática exata, eu bem sei. E isso se prova a cada dia. Olhando para trás eu jamais imaginaria como a vida se modificaria nos últimos tempos. Obrigada por ter me devolvido o coração. Obrigada por ter me provado que há pessoas que acreditam e vivem o amor. Obrigada por me cantar canções de esperança. Obrigada por me sustentar quando me falta um pouco de fé. Obrigada por me elevar, me mostrar o meu valor e se orgulhar das minhas conquistas. Obrigada por me proporcionar sentimentos bons.

Você me olha nos olhos e eu esqueço que um dia estive triste. Esqueço que algum dia meus olhos se encheram de lágrimas. Tudo o que vem de você me abraça de uma forma tão consoladora que não consigo lembrar – nenhum minuto sequer – o que é sofrer por alguém. Obrigada por me mostrar que não devemos sofrer, independente do que trazemos no coração. Obrigada por me mostrar que o amor vale a pena. Obrigada por encher minha vida de momentos únicos. Obrigada pelo teu sorriso largo e bonito que me leva ao Senhor.

Obrigada.
Muito obrigada.
Por ser você.




Compar:

0 comentários