A vida tem pressa.


Nove e meia.

As roupas sobre o chão demonstram que há amor aqui. São nove e meia e desde às dezoito que me permito ser tua. Vorazmente a tua boca me descobre sem cerimônia. Ela percorre meus caminhos recônditos desbravando meu jardim secreto. Perco-me em você e me encontro em teus meios, teus pelos, teus seios. Entre suspiros e abraços me descubro tua e minha. Minhas vontades se misturam com o teu desejo. Fundimo-nos.

Dez e meia.

Somos roupas, suor e gozo. A vontade de parar o relógio, pedir tempo ao tempo e se demorar um pouquinho mais. Somos a vida que se apequena e cabe dentro de um quarto. Somos o amor que Caetano e Chico cantam em suas canções. Somos feras famintas. Somos felinos que procuram carinho. Somos síntese. Somos paradoxo. Somos um amontoado de adjetivos que se fundem como nossos corpos. Somos lascívia. Somos paixão. Somos, por fim, amor.

Onze e quinze.

Somos beijos de boa noite. Somos olho no olho e um dorme bem. Somos cobertor caído no chão, cheiro no cangote e uma prece de que a noite se demore um pouco mais. Somos a felicidade que se desenha em nossos lábios. Somos o calor que nos esquenta em um abraço. Somos mais que pele, carne e suor. Somos nossos corações despidos um ao outro. Somos mais que roupas jogadas no cão.
Meia-noite.

E compreendemos que o amor é muito mais que o toque, o sexo e o prazer. É olhar o outro dormindo e agradecer por ter a sorte de assisti-lo. É beijar a fronte, tocar a face e perceber que o nosso mundo cabe dentro de um abraço. Amor é não saber e ainda saber. É olhar e não acreditar. É perceber que a vida tem pressa e ainda assim pedir que ela espere um pouco mais.

Fotografia: Maud Chalard.





Compar:

7 comentários

  1. O florzinha será que da pra colocar a letra do texto maior porque uso óculos tenho dificuldade pra ler letras pequenas bjs no core é coração viu ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi querida!

      Eu realmente vi que as letras estavam menores. Já consertei ♥

      Excluir
    2. Brigado flor de maracujá eu não tenho muito abito de ler mas como digo sempre aprendi a ler e a gostar de poesia com você tem poeamas e poisias que são muito complexo mas você tem uma forma muito fluente de escrever uma linguagem mas popular 💌

      Excluir
  2. Que texto lindo, intenso, verdadeiro e apaixonante! Identifico-me muito com sua forma de expressão. Obrigada por compartilhar esse dom conosco!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Crícia. Espero que volte mais vezes ♥

      Excluir
  3. Que coisa lindaaaaaaa meu Deusssss...
    É bemmmmm isso mesmo ����

    ResponderExcluir
  4. Como explicar leveza e furor. Amor na delicadeza e na pressa! Amo seus textos minha amiga linda! Bjsss

    ResponderExcluir