Você se tornou outro qualquer



Outro qualquer, na verdade não. Um desconhecido tem mais da minha atenção que você. Seria uma parceira sua pelo resto da vida. Mas você fez a única coisa que eu não merecia: me magoou. A mágoa, ela destrói os bons sentimentos e faz o 'bem querer' virar 'tanto faz'. Faz a pessoa que antes era motivo de riso se tornar desconhecido. Só que do tipo que deve ser evitado.

 Achava que você era legal. Me enganei! Você é frio.

É cruel. Me disse coisas que doeram mais que um soco. Soco mesmo. Tapa é coisa leve demais pra comparar o que você me fez. Tentar comparar, pois, qualquer que seja a ligação que eu consiga fazer aqui, não cabe comparação. Cabe é te deletar da minha vida. Quem dera o poder da informática tivesse chegado a tal ponto que a pessoa deletada das redes sociais, fosse deletada também da memória. Você me machucou tanto que eu queria apagar tudo, pra não ficar remoendo e me sentir pior. Curioso que não existe aqui sentimentos como "que se exploda". O que há é uma necessidade tremenda de ficar longe de você. Te evitar.

Eu errei muito, fiz de você uma pessoa maravilhosa. Te coloquei em um lugar na minha vida que não devia. Confiei, acreditei, vi que era mentiroso e acabei relevando. Desde o início, guardei minha autoestima na gaveta, permiti que minha dignidade fosse pro lixo. Acabei fazendo de você um desafio, uma teimosia, te quis, te tive. Você se entregou a mim. Me senti a esperta. A vencedora. Mas como sempre, você foi uma guerra perdida, mesmo vencendo eu perdi.

Sou do tipo que ao romper com uma pessoa, age como se ela fosse um poste. Alguém sente raiva de poste de rua? Alguém fala mal de poste de rua? Alguém briga com poste de rua? Qualquer pessoa ignoraria você desde o início das coisas que percebi. Mas você foi tão manipulador, que conseguiu me manter perto. Sabe, pra minha sanidade mental, tomarei algumas providências.

Eu sequer vou falar em você, o que você me fez, criou em mim um sentimento de que sequer devo te ver. Não quero ser a vítima. Quem errou foi eu. Me iludi tanto que julguei que você pudesse ser meu amigo pro resto da vida. Amigo respeita, você não respeitou.

Um poste é um objeto que só causa problemas quando não funciona corretamente. Você se tornou um poste pra mim. Não te desejo nada de mal. Não vou sair falando coisas por aí. Tão pouco ficar te stalkeando. Torcendo pra que as coisas deem errado pra você e se lembre do quanto eu sou legal e te faço falta. Eu não! Simplesmente pelo fato de que eu não te quero por perto. Nem com a estima lá cima, nem lá em baixo.

Independente de como você esteja, de qualquer que seja o seu estado, se “sempre me evitou”, como disse com todas as palavras, continue me evitando! Não me procure, nem daqui anos e anos. Sei que você vai sentir minha falta, vai querer vir ser o “bonzinho” de sempre. Não perca seu tempo. A última pessoa que me magoou como você e tirei da minha vida, fazem 8 anos que não ouve a minha voz.
Não se preocupe em mandingas, te maldizer ou coisa assim. Pelo contrário, só desejo que você seja feliz! Mas bem longe de mim. 


Compar:

1 comentários

  1. nossa que tudo essas palavras foram feitas pra mim dizer a alguém muito obrigado

    ResponderExcluir