Inocência;

08:32

Em uma fazenda havia um lugar onde desembocava um rio, entretanto o acesso era bastante íngreme. Havia muitas pedras no local, mato, espinhos e serpentes. Duas crianças decidiram ir ao local, pois desejavam tomar banho de cachoeira ali.
Não obstante do perigo decidiram se embrenhar no matagal. Machucaram-se ao descer como era de se imaginar, entretanto não hesitaram em continuar lá e fazer o que tinham que fazer afinal o desejo de estar lá era maior do que qualquer dor que sentira. Feridas saram, pensavam eles.
Contudo quando as pessoas crescem perdem a inocência e a bravura de crianças. Tornam-se medrosas. E perdem a oportunidade de serem verdadeiramente felizes.
  • Felicidade eu quero andar na vida namorando você ♪

Você também pode gostar

4 comentários

  1. Muitas vezes o medo nos faz refém de nós mesmo. Je t'aime.

    ResponderExcluir
  2. E o resto da vida, então,
    torna-se um resgate da meninice...

    Belo texto!
    Um beijo,
    doce de lira

    ResponderExcluir
  3. É fato mais do que comprovado que, quando crianças, sabemos aproveitar mais a vida do que quando adultos e até mesmo adolescentes. Na infância nosso maior medo é o bicho papão, mas até ele somos capazes de enfrentar quando o sono é mais forte ou há uma luz acesa. De resto, não tememos nada e gostamos de nos arriscar. É uma pena que nem sempre saibamos manter vivo dentro de nós esse corajoso espírito infantil.

    ResponderExcluir
  4. Ah e pensar quantas vezes deixamos de nos banharmos em uma cachoeira por medo das pedras, mato, espinhos e serpentes do caminho... Quantas vezes deixamos de se aventurar e viver... Que saudade da ser criança e de acreditar!

    Lindo aqui moça, tô seguindo ;*

    ResponderExcluir

@eupamelamarques

FANPAGE

DIREITOS AUTORAIS

Todos os textos publicados aqui neste blog são de minha autoria ou de autores convidados. As fotos e gifs foram retiradas de sites como Pinterest e Tumblr, sendo assim, para de fim direitos autorais, declaro que as imagens NÃO pertencem ao blog. Qualquer problema ou reclamação quanto aos direitos de imagem podem ser feitas diretamente comigo por meio do e-mail: adm.pamelamarques@gmail.com. Eu darei os devidos os devidos créditos.