Suave.

15:56





É suave amar você. De uma forma que eu jamais compreenderei. De um modo que talvez a ciência ou até mesmo a religião nunca consiga explicar. Porque simplesmente você existe aqui dentro de mim [enraizado]. E sim, eu perdi a mão para escrever sobre você. Sobre nós. É que eu não preciso embonitar nada mais. Porque o bonito de tudo que envolve a gente, hoje, tem que ser selado. Guardado. Sacramentado. Para continuar bonito.



Você também pode gostar

4 comentários

  1. Lindo!!! O amor é fogo. Faz a gente de bobo. E escrever coisas bonitas sobre ele, o maior egocêntrico que já conheci, esse tal amor!

    ResponderExcluir
  2. "E sim, eu perdi a mão para escrever sobre você. Sobre nós. É que eu não preciso embonitar nada mais."

    Lindo! Eu não escrevo mais sobre também. Nem precisa, tá tudo ali.

    Descreveu perfeitamente bem o que eu sinto!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  3. É verdade, o que já é bonito deve ficar do jeito que esta, pra não exagerar. Sei lá.
    Bonito seu texto. • Sem Guarda-Chuvas •

    ResponderExcluir
  4. Suave - Gosto dessa sensação - Parece que é doce esse seu amor...


    ResponderExcluir

@eupamelamarques

FANPAGE

DIREITOS AUTORAIS

Todos os textos publicados aqui neste blog são de minha autoria ou de autores convidados. As fotos e gifs foram retiradas de sites como Pinterest e Tumblr, sendo assim, para de fim direitos autorais, declaro que as imagens NÃO pertencem ao blog. Qualquer problema ou reclamação quanto aos direitos de imagem podem ser feitas diretamente comigo por meio do e-mail: adm.pamelamarques@gmail.com. Eu darei os devidos os devidos créditos.