Sobre você

18:28



Acho engraçado como você pega a comanda e coloca no bolso para que eu não pague o lanche. Mas acho tão bacana porque você não se irrita quando, por um descuido, eu passo a comida no débito. Você ri e diz que sou geniosa, mas que está tudo bem eu ser uma baixinha encrenqueira. Que não dá pra mudar esse meu instinto de ser livre e que me gosta assim, de asas abertas, pronta para dar rasantes no céu.

Acho tão bom quando você me abraça do nada e me chama de coisas que só você entende. Ainda fico na dúvida se ser chamada de Filezinho de Merluza é bom ou ruim. Acontece que tudo soa tão bem vindo dos seus lábios, tudo é dito com tanto carinho, que não há como não sorrir e agradecer por ter você em minha vida. Às vezes me pego pensando nas reviravoltas que o mundo dá. Os caminhos que somos obrigados a percorrer para, no final das contas, regressarmos à largada inicial.

Acho tão bonito como você me inclui nas suas coisas, naquilo que não havia necessidade de eu estar. Daí você me lembra que não há segredos, que sempre há espaço para mim em seus sonhos e que onde você estiver eu estarei. Sorrio do teu jeito de ver o mundo e me encanto com a maturidade que você encara os desafios da vida. Acho incrível quando estou prestes a explodir e você me pega pela mão, me faz respirar devagar e olhar o problema por outro ângulo. Há sempre uma saída sem estresse, você diz. E eu sempre alcanço ela ao seu lado.

Acho tão fantástico o modo como você me vê. Talvez eu não tenha a mesma sensibilidade que você. Acho mais sensacional ainda lembrar a quantidade de qualidades que você me enumerou enquanto eu insistia em contar sobre os meus defeitos. E o modo como você me disse, olhando em meus olhos: o que é defeito para uns é qualidade para os outros. Não se deixe medir pelos olhos alheios, de quem não te ama e não te vê.

Acho incrível o modo como você vê a vida, eu repito.

Mas acho mais incrível ainda o modo que você me leva a me enxergar em você.

Você também pode gostar

1 comentários

  1. O mais bonito pra mim é a paz tão branquinha e leve que sinto quando leio as coisas que você escreve tomada por esse sentimento. Não tem pressa. É tranquilo.

    E você merece sentir assim, desse jeitinho.

    ResponderExcluir

@eupamelamarques

FANPAGE

DIREITOS AUTORAIS

Todos os textos publicados aqui neste blog são de minha autoria ou de autores convidados. As fotos e gifs foram retiradas de sites como Pinterest e Tumblr, sendo assim, para de fim direitos autorais, declaro que as imagens NÃO pertencem ao blog. Qualquer problema ou reclamação quanto aos direitos de imagem podem ser feitas diretamente comigo por meio do e-mail: adm.pamelamarques@gmail.com. Eu darei os devidos os devidos créditos.